Pages

terça-feira, setembro 21, 2010


tamanho é documento

2
Um dos  maiores fantasmas do universo masculino é o tamanho do pênis. Em geral, os homens – e muitas mulheres – tendem a acreditar que o comprimento peniano tem a ver com uma boa performance  sexual.
De acordo com o médico ginecologista e sexólogo, Amaury Mendes  Júnior, isso é crendice popular. “A parte mais sensível e erógena da vagina é  o terço externo, isto é, logo na entrada, e não lá no fundo perto do útero. De  onde se conclui que pênis muito comprido pode até incomodar e se for para  pensar em medida, deve-se priorizar a circunferência não a extensão; se for  mais largo, melhor”, detalha o doutor.
É razoável, até esteticamente, que o parceiro não tenha o pênis  pequeno demais. Mas no que diz respeito a alcance de prazer, o médico explica que existem motivos fisiológicos para valorizar mais a largura do que o comprimento. “O terço externo da vagina é a região mais sensível feminina, é o local onde se  forma a plataforma orgástica, e de onde o prazer surge. Portanto se formos  pensar em prazer na penetração, um pênis largo gera mais estímulos na área externa da entrada da vagina que se irradiaria por todo o corpo”, explica o ginecologista.

Para casos em que o pênis maiores, é possível diminuir o desconforto com uma boa lubrificação. O médico garante que, salvo casos muito raros, a vagina se adapta a qualquer medida, se a mulher tiver com um nível de excitação elevado.

“A vagina é um órgão elástico e distensível, sendo capaz de acomodar qualquer pênis em seu interior, se convenientemente estimulada e excitada, pois aumenta de tamanho tanto em sua extensão quanto em seu diâmetro, o que facilita o contato sexual, estando a mulher relaxada. Portanto, o segredo para uma relação feliz e prazerosa seria a completa lubrificação vaginal”, finaliza doutor Amaury.

2 comentários:

yuu.takashi-q disse...

TRES SEGUIDORES??? a proposta ainda está de péé???

porque estou te seguindo!!! :)

Coisas da Vida disse...

otimo post' *--*
sz

Postar um comentário